A origem do dia de São Valentim

A origem do dia de São Valentim

14.FEV.2014

Num dos seus poemas, Gustavo Adolfo Bécquer afirmou que “o amor é um mistério. Nele tudo são fenómenos, cada um deles mais inexplicável. Nele tudo é ilógico, é subjetividade e absurdo” e a razão pela qual o Dia de São Valentim é celebrado permanece um mistério.

Os casais consideram-no uma data especial no calendário de cada ano e, embora existam muitas lendas acerca do dia 14 de fevereiro e muitos pensem até que este dia só se celebra recentemente e que surgiu do interesse por parte dos grandes centros comerciais no que diz respeito ao aumento das suas vendas, as suas origens remontam na realidade aos tempos do Império Romano.

De acordo com a lenda mais difundida, São Valentim foi um padre que viveu em Roma no século III. Nesse tempo, o Imperador Cláudio II estava no poder e decidiu proibir os casamentos entre pessoas jovens, uma vez que acreditava que os homens solteiros eram melhores soldados porque tinham menos comprometimentos e não tinham que garantir o bem-estar das suas famílias.

O padre pensou que esta proibição era injusta e desafiou o imperador celebrando cerimónias de matrimónio secretas entre jovens apaixonados. Durante algum tempo esta desobediência foi frutuosa e centenas de casais puderam realizar os seus sonhos de constituir família mas quando Cláudio II descobriu ordenou a prisão de São Valentim. O seu carcereiro, o oficial Austerius, numa tentativa de ridicularizar e testar São Valentim desafiou-o a devolver a visão a uma das suas filhas cujo nome era Júlia, a qual tinha nascido cega. São Valentim aceitou e em nome do Senhor, devolveu-lhe a visão.

Isto fez com que o seu carcereiro e a sua família se convertessem ao Cristianismo mas São Valentim continuava a ser mantido preso e, finalmente, o imperador ordenou o seu martírio e execução no dia 14 de fevereiro de 270. Para demonstrar a sua gratidão ao santo a jovem Júlia plantou uma amendoeira de flores cor-de-rosa próxima da sua campa, a qual o tornou no símbolo do amor eterno.

Embora o dia 14 de fevereiro seja o Dia dos Namorados na maior parte dos países, em honra da morte do maior defensor do amor, São Valentim, existem também outras datas em que esta data é celebrada, de acordo com diferentes culturas, como é o caso da Bolívia, em que é designado "Dia do Amor " e é celebrado a 21 de setembro e o Brasil, onde é celebrado a 12 de junho.

A Joselito deseja-vos um feliz dia de São Valentim.

LINKS