A Joselito conquista a Ásia

A Joselito conquista a Ásia

03.FEV.2014

O presunto ibérico é, sem dúvida, o porta-estandarte da marca “Espanha” e está a tornar-se cada vez mais comum por todo o mundo. A Joselito foi a primeira marca a começar a exportação deste produto para novos mercados, mesmo antes dos conceitos como a “globalização” ou a “internacionalização” serem o que são hoje.

 

A Joselito está atualmente presente nos melhores restaurantes e lojas gourmet em 55 países de todo o mundo, com mercados transversais incluindo a Austrália, a Europa, a América e a Ásia. É precisamente neste último continente que a Joselito tem tido uma grande expansão nos últimos anos, em mercados bem estabelecidos como o Japão, Hong Kong, Filipinas e Tailândia, assim como em mercados como a China, Singapura e outros que se desenvolveram mais recentemente.

 

O fascínio de todas as pessoas depois de o provar não deixa qualquer dúvida, contudo: em alguns países os produtos ibéricos ainda são completamente desconhecidos (por mais surpreendente que isto seja). A Joselito investe muitos esforços e recursos em tornar os seus produtos conhecidos, e descrever um produto que é a pérola da nossa cozinha, para além das nossas fronteiras.

 

“Espanha,” a marca, exporta anualmente cerca de 43 000 toneladas de presunto e todas as variedades de paletas, representando vendas de mais de 260 milhões de euros. Apenas 10% do presunto curado espanhol é de carne de porco Ibérico, mas é este produto que define o padrão e melhora o prestígio do país em mercados estrangeiros.

 

A expansão da Joselito na China começou há alguns anos, depois de ultrapassar inúmeras inspeções de saúde e exames profundos realizados pelas autoridades chinesas, sendo que por fim permitiram a importação dos nossos produtos para o gigante asiático. A resposta excelente que tivemos e o reconhecimento dos melhores restaurantes e cozinheiros no país foi tal que muitas pessoas começaram a misturar a cozinha asiática com a cultura do presunto.

 

“O principal obstáculo para os presuntos na China e em muitos países asiáticos é o facto de que não existe uma expectativa de consumo e de estarmos a criar um mercado que não existe, tornando-os participantes na nossa cultura,” disse Jose Gomez, dono da Joselito.

 

Embora a China seja um país onde a carne de porco (da espécie indígena) é um produto muito valorizado pelas pessoas, a chave para apreciar e compreender a elevada qualidade de um produto como a Joselito é informar e educar bem o cliente. Temos equipas e profissionais em cada país dedicados ao treino e divulgação, sendo que também fornecemos ferramentas úteis de fácil acesso como as nossas páginas de Internet www.joselitolab.com e www.joselito.com, ambas traduzidas em 10 línguas, incluindo o Chinês e o Japonês.

 

Além disso, a Joselito envia os seus produtos para estes destinos por avião, dentro de um contentor isolador que protege os seus produtos dos porões frios dos aviões, o que permite o isolamento de humidade e de luz. Esta prática é essencial para manter a essência do presunto e para que este chegue ao seu destino com a elevada qualidade.

 

O presunto Joselito vem dos porcos que são alimentados apenas com bolotas e que vivem livremente na pastagem no sudoeste da península, onde desfrutam de cerca de três hectares de terra por animal, permitindo assim um produto único de elevada qualidade que não tem limites.

LINKS